As joaninhas e as medidas

 

Fiz com minha turma a joaninha que já postei aqui no blog.


Joaninha

Sondei com as crianças se alguma já havia visto uma joaninha de verdade.
Qual o tamanho da joaninha que você viu?
Onde é mais fácil encontrar as joaninhas?
Pedi que elas comparassem o tamanho da joaninha que eles já viram com o tamanho das joaninhas que foram feitas pela turma. (MAIOR OU MENOR?)
Perguntei sobre a altura das crianças da sala:

  • Quem é maior?
  • Quem é menor?

Perguntei quantas joaninhas enfileiradas precisaríamos colocar, para atingir a altura da criança menor?

 



Aí combinamos que usaríamos a fileira de joaninhas para medir a altura de cada um, assim poderíamos passar a organizar a fila de acordo com a ordem de tamanho.
Obs.: Apesar de organizar minha fila assim, todos os dias o ajudante daquele dia fica na frente. Assim, todos terão a oportunidade de ser o primeiro na fila.


joaninha
Como dever de casa, dei a história do Rei para que a família pudesse ler junto com a criança e conversassem sobre o texto.

NO TEMPO EM QUE SE MEDIA COM O PÉ DE SUA MAJESTADE
           UM REI VIVIA FELIZ EM SEU CASTELO. MAS, UM DIA, MUITA GENTE SE REUNIU NA PRAÇA PARA PROTESTAR CONTRA A FALTA DE MORADIA.
           O REI ORDENOU, ENTÃO, QUE FOSSE DISTRIBUÍDO UM TERRENO PARA CADA FAMÍLIA. OS TERRENOS SERIAM MEDIDOS PELO TAMANHO DO PÉ DE SUA MAJESTADE.
           ENQUANTO OS TRABALHOS DE MEDIÇÃO SE REALIZAVAM, O REI MORREU. COMO ERA O COSTUME, FOI SUBSTITUÍDO POR SEU FILHO, QUE AINDA ERA UMA CRIANÇA.
           O POVO FICOU MUITO TRISTE POR CAUSA DA MORTE DO REI. MAIS AINDA POR CAUSA DA DIMINUIÇÃO DO TAMANHO DOS TERRENOS. 
PÉ DE REI É DIFERENTE DE PÉ DE REIZINHO.
Texto retirado do livro Matemática com o Sarquis de Eduardo Sarquis Soares – Editora Formato – Livro 1 – pág. 61
 
Junto com a história mandei um bilhete:
Hoje estou enviando para casa uma história. Gostaria que vocês lessem para a criança e conversassem sobre o motivo do povo ter ficado triste e como eles poderiam resolver esse problema.
Conversarei sobre o assunto na próxima aula.
 
As soluções que foram encontradas:
  • Usar o pé da rainha na medição do terreno.
  • Usar um barbante para medir o pé do rei (lógico que antes do enterro) e usar o barbante para as medições.
  • Usar duas medidas do pé do reizinho para conseguir a mesma medida do pé do rei pai.
Testamos todas as propostas. Arrumei o molde de um pé que deveria ser o pé do rei (pessoa sugerida pelas crianças – tamanho 42).
Usamos para medir a largura da sala.
 
sistema de medidas
As crianças decidiram qual seria aproximadamente o tamanho do pé da rainha. Usei o meu pé em cima do molde do rei e eles concluíram que não daria certo, pois o tamanho ficou diferente - (meu número é 36).
Resolvemos o tamanho do pé do reizinho (a menor criança da sala) e ajuntamos dois pés para ver se daria o tamanho do pé do rei.
Viram que ficou muito maior, mas usamos para medir o mesmo espaço que usamos anteriormente.
 
sistema de medidas
E usamos a medida do barbante.
 

sistema de medidas
Propus fazermos as medições no pátio para tentarmos encontrar o tamanho do terreno que o rei daria para cada súdito.
Através de conversa, as crianças concluíram que daria muito trabalho se utilizássemos as medidas que nós tínhamos. Então combinamos que no dia seguinte eles conversariam com a família para saber quais os instrumentos que são usados para medir o tamanho das coisas e que trariam no dia seguinte.


sistema de medidas

  • régua
  • fita métrica
  • trena

Mostrei para as crianças a utilidade de cada um e utilizamos para fazer várias medições.


Finalmente substituí na sala as joaninhas pelo metro para podermos medir a altura de cada criança.

 

sistema de medidas

Jogo “Dado Sonoro”




Dado Sonoro
Foto retirada do blog http://alfabetizacaoludica.fotosblogue.com/202071/DADO-SONORO/

Antes de iniciar o jogo, apresentei para as crianças o dado de oito lados, a cartela com figuras de animais numerados (citando o nome de cada animal e incentivando a turma a bater palma para cada sílaba, destacando a sílaba inicial) e falamos o nome de cada ficha com figuras e palavras, para facilitar a identificação das sílabas iniciais.
Utilizei esse jogo com minha turma. Trabalhei com 7 grupos e em cada grupo três crianças.
Uma criança de cada grupo joga o dado, a turma confere na cartela numerada qual é a figura e o grupo procura nas fichas do jogo uma que inicie com a mesma sílaba da figura da cartela numerada.
Cada grupo, em sua vez de jogar só pode pegar uma ficha. Quando todas as fichas daquela sílaba inicial se esgotarem, o grupo passa a sua vez.
Será vencedor, o grupo que ao final do jogo tiver conseguido mais fichas.
 
Aproveitando a cartela do jogo realizamos também essa atividade.
  • Cada mesa recebeu o xerox da cartela numerada do jogo e uma ficha com a atividade.
  • Elas deveriam numerar a ficha de acordo com o nome do animal que aparece na cartela.

dado-sonoro_thumb1
Nessa atividade, as crianças tiveram a oportunidade de colocar em prática suas descobertas com o som inicial de cada palavra.
JOGOS DE ALFABETIZAÇÃO - MANUAL DIDÁTICO

Utilizando a mesma ideia do jogo de baralho do alfabeto, “Eu tenho… Quem tem?…”, elaborei as cartas destacando o trabalho com a sílaba inicial.

Eu tenho... Quem tem?
  • Como usar o baralho:
  • Primeiro é necessário que as crianças conheçam todas as cartas do baralho. O professor deve apresentar uma carta de cada vez para que as crianças falem o nome de cada desenho. Esse conhecimento é importante para que elas sintam-se seguras na hora de jogar.

00B
A primeira carta é do professor e a restante é distribuída pela sala.
A professora lê a primeira carta do jogo:


QUERO VER
QUEM TEM AQUI
O QUE COMEÇA
COMO ABACAXI?



A criança que recebeu a carta que dá sequência, apresenta sua carta dizendo:

00c


Eu tenho ANEL e ABELHA.
O que começa como GATO?






E a próxima:

00d


Eu tenho GALINHA e GARRAFA.
O que começa como RATO?





E assim por diante.
A turma fica toda ligada durante o jogo, pois eles precisam de muita atenção para que a sequência saia certa. Quando alguma criança se distrai na sua hora de falar, todos ficam na expectativa de descobrir quem é que está com a carta da vez.
Esse baralho tem 23 cartas e quando a última for lida, o professor completa a leitura da carta:

A criança fala:
Eu tenho BANDEJA E BANDEIRA
E o professor:
E ACABOU-SE
A BRINCADEIRA.
Para finalizar estimulando a rima.

Letra J– A descoberta da Joaninha


A letra J é bastante sonora. As crianças identificam muito rápido as palavras em que ela aparece.
Num dever de casa, pedi ajuda aos pais para pesquisarem junto com a criança, objetos que têm o nome com esse som inicial e que mandassem para a escola, um objeto (surpresa) para que a turma adivinhasse.

image

Na correção desse dever, as crianças que trouxeram a surpresa na mochila, deram dicas e as crianças faziam perguntas sobre o que poderia ser.
  • leve
  • tem na cozinha
  • usado para colocar suco ou vitamina
jarrajarra1
 
  • brinquedo
  • animal
jacaré
 
E outras…
 
jaquetajornalJOGADOR
 
Com o nome desses objetos, fiz uma ficha de leitura que vai servir para consulta:
  • maior e menor palavra
  • o que rima
  • palavra que começa com o pedacinho…
LETRA J
 
Como cada criança faz o seu desenho, fica mais fácil a identificação da palavra na hora da consulta.
 
letra j
 
Sugestões de atividades com a ficha de leitura:
  • Leia a ficha junto com o coleguinha.

  • Procure na ficha e escreva no caderno a palavra que:
    • rima com chulé
    • inicia igual a “jornada”
    • lembra futebol
    • lembra notícias
    • tem 3 pedacinhos (três sílabas)

  • Procure na ficha e escreva no caderno:
    • a maior palavra
    • a menor palavra
Outras sugestões para trabalhar a letra J:
 
FICHALETRA J
 
O espaço no final da folha pode ser usado para fazer o desenho da joaninha seguindo uma sequência de numerais ordinais.
 
 
11
 
DEVER03
 
 
 
 

A descoberta da Joaninha

 

 

00Não resisti e estou de volta com a história da joaninha…
Contei a história convidando algumas crianças da turma que representaram os personagens. A joaninha apareceu bastante enfeitada com apetrechos que ela foi cedendo para os amigos durante o desenrolar da história.

 

 


 

 
a descoberta da joaninha
a descoberta da joaninhaa descoberta da joaninha


De acordo com a necessidade da minha turma, organizei algumas atividades:
a descoberta da joaninha - atividades

  • Reconhecer as letras do alfabeto.
  • Conhecer a ordem alfabética.
  • Estabelecer relações entre as letras e os sons que as representam.
  • Identificar semelhanças sonoras em sílabas iniciais e finais.
  • Discriminar oralmente as sílabas das palavras, acompanhando-as com palmas.
  • Ler, ajustando a pauta sonora ao escrito.
  • Desenvolver a atenção, identificando figuras em outras.

Trabalhando com o alfabeto móvel

As crianças trabalharam em grupo formando o nome dos animais da história.
DSC06783DSC06784DSC06786
Formando a palavra FORMIGA.

DSC06793B
Registro no quadro.

Montagem do cartaz que será usado para leitura, escrita e para servir de base para a formação de outras palavras.
DSC06825


Para a fixação do alfabeto, utilizei também o baralho: “Eu tenho, quem tem”


Outras sugestões de trabalho com o livro. CLIQUE AQUI

Palavras Mágicas

Aproveitando o trabalho com o livro “Faniquito e siricutico no mosquito”, reforcei a importância das “palavras mágicas” para a nossa vida.
Conversamos sobre essas palavrinhas que tem o poder de abrir todas as portas para quem as usa.
Então para finalizar o projeto fiz de presente para as crianças uma chave de papel com o registro das palavras.


PALAVRAS MÁGICASPALAVRAS MÁGICAS

Com a ajuda das crianças, que consultaram em suas chaves, registrei as “palavras mágicas” nos balõezinhos do mural, de acordo com a situação apresentada.

PALAVRAS MÁGICASPALAVRAS MÁGICAS
CHAVE MENINAS
Chave para as meninas
CHAVE MENINOS
Para os meninos